11 dezembro 2007

Se eu pudesse deixar algum presente a você...

Ilustração: ©Kathleen Kemly

Se eu pudesse deixar algum presente a você,
deixaria aceso o sentimento
de amar a vida dos seres humanos.

A consciência de aprender tudo
o que foi ensinado pelo tempo a fora.

Lembraria os erros que foram cometidos
para que não mais se repetissem.

A capacidade de escolher novos rumos.

Deixaria para você se pudesse,
o respeito àquilo que é indispensável:

Além do pão, o trabalho.

Além do trabalho, a ação.

E, quando tudo mais faltasse, um segredo:

O de buscar no interior de si mesmo a resposta
e a força para encontrar a saída.

Mahatma Gandhi

Este post é dedicado ao amigo Hay,
cuja amizade é um grande presente!

6 comentários:

Professor Howdy disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Bruxinhachellot disse...

É um presente lindo que guardarei comigo com carinho.

Beijos musicais.

Marilac disse...

Carol,querida
Que presente mais lindo!!!

São conselhos preciosos esses!

E o Hay além de ter uma sensibilidade incrivel é realmente um amigo maravilhoso !

bjs
com carinho,

Marilac

adelaide amorim disse...

A força do espírito de Gandhi atravessa gerações sem perder essa capacidade de mostrar um caminho para a paz, que foi o grande sonho da vida dele e pelo qual ele morreu. Muito lindo, Carol.
Beijo pra você.

Ana Pozza disse...

Olá!! Vez ou outra passo por aqui pra dar um "crtl c" nesta poesia maravilhosa... É um dos meus presentes de aniversário virtuais! Faltou vc colocar pra seguir o Blog!! Voltarei mais vezes. Visite o meu. ;)

Tudo de bom!! Ana

Anônimo disse...

teenbrooks olds fabianist superimposed popcorn syntactic escalating succeeding likewise daugherty minerals
semelokertes marchimundui